[Opinião do especialista] O efeito da Apneia Obstrutiva do Sono no seu corpo

A Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono (SAOS) pode ter muitos efeitos negativos na sua saúde e no seu bem-estar.

Uma pessoa com SAOS pode acordar com bastante frequência durante a noite,  e ao acordar queixa-se da má qualidade do sono e convive com um excesso de sonolência diurna. Isto acontece porque mesmo que uma pessoa com SAOS esteja cerca de 7-9 horas na cama aparentemente a dormir, na verdade existem vários episódios de microdespertares, que impedem que o sono seja reparador, e por isso ao acordar sentem que descansaram pouco ou nada.

Em muitas pessoas esta menor qualidade no sono (e em alguns casos também na quantidade) resultará em muitas outras queixas no dia seguinte, para além da já referida sonolência: sabemos que diminuiu o estado de alerta (fadiga diurna), está associada a baixa concentração, diminuição da memória ou a maior instabilidade do humor (irritabilidade).

As crianças também podem ter Apneia do Sono. Curiosamente, em vez de ficarem sonolentas, as crianças muitas vezes demonstram hiperatividade. Deve estar também alerta para uma diminuição nos resultados escolares do seu filho.

Por fim, a SAOS pode resultar ou agravar outras doenças, como a hipertensão arterial, fomenta o acidente vascular cerebral ou a doença coronária isquémica (o famoso “enfarte”), agrava a insuficiência cardíaca, provoca distúrbios do ritmo cardíaco e promove a dificuldade em controlar o açúcar no sangue (nos diabéticos).

Ou seja: O diagnóstico precoce e o tratamento da SAOS é fundamental para a sua saúde!

João Cravo

Pneumologista